Resenhas

9 de outubro de 2016

RESENHA #137: Quem é você, Alasca? - John Green

......


“Se ao menos conseguíssemos enxergar a infinita cadeia de consequências que resulta das nossas pequenas decisões. Mas só percebemos tarde demais, quando perceber é inútil.”

Livro: Quem é você, Alasca? - John Green
Páginas: 336
Editora: Intrínseca 
Sinopse: Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras que, cansado de sua vidinha pacata e sem graça em casa, vai estudar num colégio interno à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o "Grande Talvez". Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young, uma garota inteligente, espirituosa, problemática e extremamente sensual, que o levará para o seu labirinto e o catapultará em direção ao "Grande Talvez".







Narrado em primeira pessoa, o livro vai contar a história do jovem Miles Halter. Miles é fascinado pelas últimas palavras de pessoas famosas. Adora ler biografias. O jovem não é satisfeito com a vida que tem, e quer mudar isso. Sair de casa e buscar seu futuro (o seu “Grande Talvez”) é o começo. Miles vai estudar na escola Culver Creek, um internato.  Por obra do “destino”, esse é o mesmo internato que seu pai estudou. Miles faz novas amizades, conhece uma garota, e se apaixona.


Se você assim como eu é fã do John Green, e ainda não leu esse livro, tá esperando o que?


Pela sinopse do livro já da para perceber de longe que foi escrito pelo nosso querido João Verde. Apesar de ter amado essa obra do autor, nem tudo são flores. Como sempre, temos  como personagem principal um adolescente diferente de todos, com amigos que vão ajudar sua “Jornada” no decorrer da história. Os personagens são muito bons em relação a outros livros do John Green, são mais bem construídos, e mais bem trabalhados. Mas como disse anteriormente, nem tudo são flores, há alguns problemas com os personagens. O próprio Miles, não tem uma personalidade bem definida, apesar de o livro mostrar a busca dele por essa personalidade, ela nunca se estabelece. Alasca é uma garota clássica do John Green, sempre a mais esperta, a mais bonita e inteligente.

Com exceção da Alasca, eu achei os personagens fracos. Ela é uma personagem segura, todo livro do John Green o melhor personagem é sempre a garota. O Coronel é um Augustus Waters (A Culpa é das Estrelas) da vida, sério gente, a personalidade, o jeito de ser, as piadas lembram muito o Augustus. Já o Miles ele me lembra muito o Quentin (Cidades de Papel) são muito semelhantes, principalmente na questão de obsessão por uma garota. Como o Quem é Você Alasca? veio primeiro que esses dois livros, então posso dizer que o Quentin e o Augustus foram inspirados no Coronel e no Miles. Vocês entendem minha lógica? Espero que sim.

 



A escrita do autor é aquela maravilha como sabemos, te prende fácil a história, não é pesada e você não precisa pensar muito. Mas as frases filosóficas que os adolescentes falam, permanecem nessa obra. Gostaria de saber o porquê que na cabeça do autor os adolescentes falam como poetas de meia idade.
O desenrolar da história é muito bom, as coisas acontecem devagar, mas isso não me incomodou em nada. Até que o John Green estraga tudo, com um final arrasador. Como todos os outros livros do John Green, sim, temos um final consideravelmente ruim. Acho que é mania ele fazer isso nos livros.

Quem é Você Alasca? É um livro divertido, triste em certos momentos, mas que como todo livro do nosso querido João Verde, eu amei e entrou na minha lista de favoritos. É pra você que ainda não leu, ou já leu, não importa. Eu aconselho vocês comprarem a edição comemorativa de 10 anos. Além de ser uma linda edição como vocês poderão ver, as fotos, o livro conta com cenas que foram retiradas do manuscrito original, respostas do John Green a perguntas de fãs, e algumas outras coisas que vocês vão amar.

  



Postado por Victor Soares

10 comentários:

  1. Olá,
    Sempre que comento que tive problemas com os livros que li do autor, todo mundo me indica esse.
    Parece ser interessante, assim que der darei uma chance.

    tenha uma ótima semana :D
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  2. Oi Victor,
    Li A Culpa é das Estrelas e amei. Parece que esse é o melhor livro do autor, então fico com medo de ler os outros que , com certeza, devem ser inferiores. Não quero me decepcionar. Todo mundo fala que Quem é Você Alaska? é o segundo melhor dele.
    O mesmo aconteceu comigo com Jojo Moyes após ler Como Eu Era Antes de Você.
    Um dia ainda vou ler.
    Abraços,
    André, do Garotos Perdidos
    www.garotosperdidos.com

    ResponderExcluir
  3. Esse é um dos meus livros favoritos do John, li já faz um tempinho, e ler sua resenha me fez matar um pouquinho da saudade que estou do Miles e da Alasca.
    Beijos

    http://blog-myselfhere.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Esse livro estou querendo ler faz tempo.
    Dizem que é o melhor livro de JG.
    Curti demais sua resenha e espero ler logo meu exemplar empoeirado já aqui.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi Victor.
    Ótima resenha.
    Até hoje eu só A Culpa é das Estrelas acredita? kkkk Gostei bastante do primeiro contato com o autor, e tenho Cidades de Papel e O Teorema Katherine aqui mas ainda não animei de ler. Mas esse que eu não tenho, eu tenho mais vontade ainda de conferir. Sua resenha me deixou mais ansiosa.

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olha eu adorei a Culpa é das Estrelas, gostei da mensagem final de Cidades de Papel, mas esse livro nao me desceu pela garganta, eu odiei cada personagens, principalmente a Alasca, acho que sou a unica, mas realmente nao consegui :/ Flores no Outono 

    ResponderExcluir
  7. Quando o livro chegou por aqui a uns anos atrás e muito antes de A culpa é das estrelas eu não curti a capa. E confesso que eu julguei por ela, mesmo tendo lido resenhas que de o livro era bom.
    Ai veio os outros livros, a febre de todo mundo só querer ler o autor e tal e eu deixei tudo meio de lado para não me influenciar na hora de ler. Não sabia que a edição de 10 anos tinha extras - não devo ter me tocado quando vi comentários do lançamento, mas adorei a capa dessa vez. E, pelo que senti da sua resenha, me parece o livro ideal para conhecer o autor. Ainda mais que não irei comparar os personagens com outros...rs
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  8. Olá Victor, aó li um livro do autor por enquanto, mas gostei bastante da escrita dele *-* Morro de vontade de ler esse e os demais livros, pelos seus comentários apesar de alguns pontos negativos, como a personalidade pouco trabalhada de alguns personagens, o enredo parece ser muito bom *-* Adorei a dica.

    http://meumundo-meuestilo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Amei ACEDE e mal posso esperar para ler outros livros do Green. Tenho "Cidades de Papel", mas ainda não li. Ô, pessoa atrasada! rs

    Carolina Gama

    ResponderExcluir
  10. De todos, esse foi o meu livro favorito do autor. Eu gosto muito de como os personagens crescem durante o enredo.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir

Regras:

. "Seguindo, segue de volta?" , aceito, mas ao menos comente sobre o que foi postado.
. Não aceitamos mais Tags nem selinhos.
. Aceito afiliação, basta falar.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir ;)